Saúde: Vacinação contra gripe imuniza idosos e profissionais da saúde com atendimento drive thru

0

 

Além de vacinação em todos os postos de saúde, com cronograma para os idosos, quatro locais extra de vacinação vão funcionar com atendimento drive thru, em que não há necessidade de sair do carro.  Lembrando que vacina contra influenza não tem eficácia contra o coronavírus.

Começou nesta segunda-feira (23) e vai até o dia 28 de março, a Campanha de Vacinação contra influenza (gripe). Os primeiros a serem vacinados serão os idosos e os profissionais da saúde, que estão na linha de frente de atendimento à população.Todos os idosos desabrigados da enchente já foram imunizados no dia 21 e 22/03. As Estratégia Saúde da Família e Estratégia de Agentes Comunitários também vão realizar a vacinação conforme área de cobertura.O Departamento de Atenção Básica publicou um cronograma de vacinação de idosos nos postos de saúde, por ordem alfabética, a fim de evitar aglomerações.

Além disso, estarão disponíveis quatro pontos extra de vacinação, que poderá ser feita também em forma de drive-thru, quando não há necessidade de sair de casa, que são:

  • Estacionamento do Supermercado Matheus (ponto de referência Loja Havan);
  • Estacionamento do Supermercado Atacadão;
  • Estacionamento do Supermercado Líder;
  • Drogaria São Félix – Cidade Nova

A vacina contra influenza deve ser administrada anualmente, uma vez que o vírus da gripe possui mutações muito rápidas. Quem tomou a vacina durante o ano passado não está imunizado durante este ano. A enfermeira Cinthia Mendes, da coordenação de Imunização da Vigilância em Saúde, afirma que no primeiro momento foram enviadas pela Sespa (Secretaria de Saúde do Estado do Pará) 13.430 doses da vacina contra influenza.

“Ficar em casa em reclusão social, o chamado afastamento social, a fim de proteger a si mesmos, aos seus e à população em geral é o recomendado pelo Ministério de Saúde”, afirma a enfermeira. Neste momento, é necessário proteger os mais vulneráveis e os que estão na linha de frente no atendimento. É importante garantir que essas pessoas tenham acesso à informação para evitar filas nos postos de saúde. O desafio do Ministério da Saúde, bem como da Vigilância em Saúde de Marabá, é realizar a campanha com segurança e evitar aglomerações.

Texto: Emilly Coelho 
Foto: Arquivo 

#vacinação

No comments